Inimigo (quase) invisível

A nuvem de poluição provocada pela cidade de São Paulo já atinge 600 km, invadindo algumas cidades do interior paulista como Jaú, Paulínia, Ribeirão Preto e São José dos Campos.

Em 2007, foram registrados, na capital, 67 dias de ar impróprio contra 46, em 2006. Um aumento de 54%. (leia mais aqui)

Só falar, não adianta. É preciso ter consciência de que somente com uma mudança de comportamento da sociedade, poderemos impedir este genocídio que o homem está praticando lentamente.

Quando me mudei para São Paulo, em 2003, via os paulistanos sofrendo com rinites, ardência nos olhos e dificuldade para respirar. Eu não sentia nada disso. Recém chegada de Poços de Caldas (MG), considerada um paraíso por alguns, acreditei que eu sofreria um choque ao respirar um ar tão impuro. Os meses se passaram e nada. Comecei a acreditar que eu havia sido abençoada com alguma proteção divina.

Quatro anos depois, os sintomas começaram. Hoje, meus olhos estão constantemente vermelhos e ressecados. Meu nariz, não raro, parece que vai rachar por dentro. Por mais que o organismo (e o Planeta) resista, não há proteção divina que evite as conseqüências.

Espere e verá.

(foto: Alex Silva/AE)

Comentários

Perfumes disse…
Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the Perfume, I hope you enjoy. The address is http://perfumes-brasil.blogspot.com. A hug.